• lisandrofrederico

Vereadores do PL de Suzano dizem que prefeito de Guararema fez “mau negócio” ao alugar leitos de UTI


Durante a sessão, o vereador Lisandro Frederico, denunciou a falta de transparência da Prefeitura que firmou o contrato às escuras e ainda tentou impedir a fiscalização do parlamentar.

Em defesa do prefeito Rodrigo Ashiuchi, pelo menos dois vereadores do PL, mesmo partido do chefe do Executivo, resolveram defender a decisão de ignorar os leitos em Suzano e alugar leitos em Franco da Rocha.

Lisandro lembrou que o prefeito de Guararema, Adriano Leite, que, aliás, pertence ao mesmo partido de Ashiuchi, contratou leitos de UTI no Hospital Santa Maria, em Suzano.

Em reportagem do G1, o prefeito de Guararema explicou a decisão: “O contrato prevê que a Prefeitura pague o Hospital Santa Maria por leito ocupado, por diária, e isso sai bem mais em conta que montar um hospital 24 horas e manter esta estrutura que é muito cara”, afirmou Leite, na ocasião.

No entanto, os vereadores do PL de Suzano uma avaliação diferente do colega de partido. Eles afirmaram que o prefeito de Guararema fez um “mau negócio” ao contratar leitos no município. “Acho que Guararema já se arrependeu de contratar leitos no Santa Maria”, disse o presidente da Câmara, vereador Joaquim Rosa. A distância entre Guararema e Suzano é de 40 km. Menos da metade de Suzano e Franco da Rocha.

Para rebater o número de mortes que Lisandro informou ocorrer em Franco da Rocha, o presidente minimizou os dados: “Falecer, falece mesmo. Assim como já faleceu em Suzano” rebateu, Joaquim Rosa.

Outro vereador que defendeu a Prefeitura foi Leandro Alves, o Leandrinho. “O prefeito está sendo muito coerente”, argumentou. Ele também afirmou que existem seis suzanenses internados em Franco da Rocha e criticou a decisão do prefeito de Guararema. “Fez um mau negócio [ao alugar leitos no Hospital Santa Maria]”, disse.

Leandrinho também disse que o prefeito de Suzano se recusou a alugar leitos de UTI em hospitais de Suzano porque “teria que pagar um valor acima de R$ 5 mil por diária, mesmo que não usasse”.

No entanto, a informação repassada pelo Hospital Santa Maria é diferente da apresentada por Leandrinho. “O gestor comercial do hospital Santa Maria de Suzano, Marcelo Cusattis, afirma que a unidade cobra apenas o valor quando o leito é utilizado e não a diária”, explicou o hospital em reportagem do G1.

0 visualização0 comentário

Lisandro Frederico foi vereador entre 2017/2020. É formado na área de Comunicação e desde criança atua na proteção aos animais. Na Câmara Lisandro lutou por por uma Política mais transparente e honesta, conduzindo seu mandato em defesa dos direitos e interesses do cidadão. Foi o único vereador a cumprir seu papel, fiscalizando e denunciando escândalos envolvendo a Prefeitura de Suzano. Fora do mandato Lisandro continua atuante em conscientizar as pessoas e engajá-las na mudança que a Política do nosso país precisa. 

Receba nossas atualizações

MAPA DO SITE

Encontrou erros nesta página?
  • Branca Ícone Instagram